cbtij-historia-festivais-mostra-de-teatro-infantil-bh-1997

Programa, 1997

Barra de Divisão - 45 cm

(INFORMAÇÕES DO PROGRAMA)

(Capa)

I MOSTRA DE TEATRO INFANTIL E OFICINAS

Teatro Marília 1997

(Interior)

Programação

Caiu um Anjo na Minha Sopa

Direção: Ricardo Nortier
Produção: Circuito de Arte

Estreia: 3 de maio
Encerramento: 3 de agosto

Barra-de-divisao - 15 cm

Musical de Papel

Direção: Jean Bisilliat Gardet
Grupo Catavento

Apresentações: 10.11.17 e 18 de maio

Barra-de-divisao - 15 cm

Uma Professora muito Maliquinha

Direção: Kalluh Araújo
Grupo Real Fantasia

Apresentações: 24, 25 e 31 de maio e 1º de junho

Barra-de-divisao - 15 cm

 O Pequeno Vampiro

Direção: Cássio Pinheiro
Grupo Produzir

Apresentações: 7, 8, 14 e 15 de junho

Barra-de-divisao - 15 cm

A Rainha Alérgica

Direção: Carlos Nunes
Grupo Teatro Vivo

Apresentações: 21, 22, 28 e 29 de junho

Barra-de-divisao - 15 cm

A Bonequinha Preta

Direção: Cida Falabela
Cia Sonho e Drama

Apresentações: 5, 6, 12 e 13 de julho

Barra-de-divisao - 15 cm

Fantasias de Alice

Direção: Celsa Rosa
Produção: Marcos Queiroz

Apresentações: 19, 20, 26 e 27 de julho

Barra-de-divisao - 15 cm

Oficinas

As oficinas sempre acontecerão entes das peças de teatro

– Cia. Taliquali

– Grupo Circo Irmãos

– Weracy Costa

– Adelson Fernandes

de 3 de Maio a 3 de Agosto

Sábados às 16h30 e Domingos às 10h30 e 16h30
Preço Único: R$ 5,00 (Cinco Reais)

Este espaço tão legal é o Teatro Marília. Ele foi um presente dado a Belo Horizonte quando ela completou 67 anos no dia 12.12.64.

O Teatro fica perto de muitos hospitais porque foi construído pela Cruz Vermelha. Aqui também funcionou a famosa Galeria de Arte Guinard e um bar chamado Stage Door, frequentado por artista nacionais e internacionais. Ao longo dos seus 32 anos, foram apresentadas peças teatrais, espetáculos de dança e música de várias partes do mundo.

 

A Fundação Clóvis Salgado e o Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversão ajudaram a Cruz Vermelha a administrá-lo. Atualmente, a responsável pelo Teatro é a Secretaria Municipal de Cultura/PBH. O Teatro Marília é considerado um patrimônio cultural de nossa cidade. Que bom que existe um espaço como este pra gente se divertir!

(Última Capa)

Realização

(Logos) Teatro Marília, Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, Cultura